Egoísmo ou Bem Comum? Temos essa opção?

A pandemia do coronavírus é real, já está e vai infectar muitas pessoas em todo o país.
Vai também fazer muitas vítimas. Sobre o equilíbrio entre o pânico e a negligência escrevi em outro artigo.

A proposta agora é fazer-nos pensar sobre as nossas atitudes egoístas ou aquelas que são para o bem comum. Fico me perguntando como Deus está vendo tudo isso e acompanhando o que a obra prima que ele criou – o ser humano – está fazendo nas egoístas corridas aos supermercados em busca do último frasco de álcool gel, de sabão, de luvas, máscaras e etc… Se continuarmos assim vai faltar para o nosso irmão. Um ditado antigo tão ressuscitado nestes dias “farinha pouca, o meu pirão primeiro” é o que infelizmente lemos e assistimos nos programas dedicados à pandemia do coronavírus nas mais diversas mídias sociais.

Fiquei pensando onde esse egoísmo pode nos levar. E mesmo sendo uma sociedade tão individualista, todos sabemos a resposta. Vai nos mergulhar na pandemia e deixar uma multidão exposta ao vírus.

Acompanhando o noticiário, especialistas nos apontam uma realidade que já acontece com os irmãos mais pobres, que moram nas favelas e periferias de nossas cidades quando há as enchentes, deslizamentos que ceifam muitas vidas, os bueiros entupidos por tanta sujeira que jogamos nas ruas… E serão eles mais uma vez, os que não tem um saneamento básico digno, uma moradia decente, que vão sofrer e morrer com o covid19. Não há água de qualidade, ventilação…

Outro caminho possível é o bem comum. É olhar para o outro como um irmão que está comigo na mesma casa comum, que tem os mesmos direitos apesar da imensa desigualdade social. Se fizermos opção pelo bem comum não faltará álcool gel, por exemplo, não vamos estocar alimentos mais que o necessário para o dia a dia, não vamos superlotar os postos de saúde e leitos após o primeiro espirro. Mas seguir fielmente as orientações do Ministério da Saúde, dos Estados e Municípios. Vamos confiar nos médicos e nas equipes de especialistas que podemos ajudar a minimizar os efeitos dessa pandemia.

A vida é uma grande aula. E o coronavírus, apesar de toda a preocupação, nos deixará ensinamentos e muitas coisas a fazer para que em futuros desafios sanitários a nossa realidade seja outra.

Vençamos todo tipo de egoísmo! Vamos pensar no outro, no irmão. Juntos vamos passar por essa pandemia e aprender com ela a ser pessoas melhores.

Deus está no meio de nós!

Por Leonardo Ramos
20/03/2020