Seguindo a tradição, acontece entre os dias 11 e 20 de abril a 56ª edição da Assembleia Geral, organizada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O encontro, realizado em Aparecida (SP), reúne Epíscopos de toda parte do país e o Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni D´Aniello. O Bispo de Nova Friburgo, Dom Edney Gouvêa Mattoso, está presente na atividade, que tem como tema central: “Diretrizes para a Formação dos Presbíteros da Igreja no Brasil”.

Abertura
O evento foi oficialmente aberto com a Santa Missa presidida pelo Arcebispo de Brasília e Presidente da CNBB, Cardeal Sergio da Rocha, no Santuário Nacional de Aparecida. Posteriormente, todo o episcopado presente se reuniu para a sessão de abertura no Centro de Eventos Padre Vitor Coelho de Almeida, local onde os trabalhos serão desempenhados.
Durante a sessão, Dom Sérgio destacou que a assembleia é sempre uma experiência privilegiada de oração, partilha fraterna, estudo e reflexão para fortalecer a comunhão entre os Bispos, para melhor servir as Igrejas particulares, ou seja, um tempo especial de participação em vista da missão da Igreja no Brasil. O Cardeal não deixou de lembrar que a 56º AG, se realiza no ano do laicato, buscando valorizar sempre mais a missão dos leigos na Igreja, como sal da terra e luz do mundo. Sobre o tema central, o Presidente da CNBB disse que a temática merece uma atenção de todos, considerando não só a formação dos futuros sacerdotes, mas a formação permanente dos atuais, sempre necessária.

O Cardeal também citou outros temas que serão debatidos, por exemplo: a realidade social, as eleições no país e a eleição dos delegados para o Sínodo dos Bispos em Roma, que tratará de jovens, fé e discernimento vocacional. Dom Sérgio fez questão de pedir orações pela restauração da saúde do Secretário Geral da CNBB, Dom Leonardo Steiner, e informou a nomeação do Bispo Auxiliar de São Luis do Maranhão, Dom Esmeraldo Barreto de Farias, como Coordenador dos trabalhos, auxiliado pelo Arcebispo-Coadjutor de Montes Claros, Dom João Justino de Medeiros Silva.
Santa Missa com o Núncio Apostólico no Brasil
Acolhendo os Bispos nomeados no último ano pelo Papa Francisco, o Núncio Apostólico presidiu a Santa Missa no dia 12/4, no Santuário de Nossa Senhora Aparecida. Na abertura da Celebração, Dom Giovanni acolheu os Bispos nomeados no período de maio de 2017 a abril de 2018.
Curiosidades sobre a Igreja no Brasil
No Brasil há 277 Circunscrições Eclesiásticas: 44 Arquidioceses ou Sedes Metropolitanas; 216 Dioceses; 9 Prelazias Territoriais; 1 Arquieparquia de Rito Oriental; 3 Eparquias Orientais; 1 Ordinariato Militar; 1 Exarcado; 1 Ordinariato para fiéis de rito oriental sem ordinário próprio; e, 1 Administração Apostólica Pessoal. A organização na Igreja Católica do Brasil acontece através da rede de 11.700 paróquias e 50.159 centros de atendimento pastoral.

Assembleia Geral em 2018
O Episcopado reunido como CNBB: 476 Bispos, sendo 308 na ativa e 168 Eméritos (aposentados). Os Bispos oriundos do Clero Diocesano são 279 pessoas, ou seja, 58,6% do Episcopado; e, os que pertenceram a uma Ordem ou Congregação de Vida Consagrada são 198 pessoas, ou seja, 41,4% do Episcopado Brasileiro. Por função institucional temos: Cardeais: 6 diocesanos + 3 religiosos. Arcebispos: 42 diocesanos + 29 religiosos. Bispos: 231 diocesanos + 165 religiosos.
Fonte: Conferência Nacional dos Bispos do Brasil e Santuário Nacional de Aparecida

Os comentários estão fechados.