Home > Institucional > Padroeira

Nossa Senhora da Conceição

História  de Nossa Senhora Imaculada da Conceição

nossasenhoraconceicaositeHoje vamos contar a história de  Nossa Senhora Imaculada Conceição para relembrarmos a origem do dogma que a Santíssima Virgem recebeu. Católicos de todas as partes do mundo fazem preces a Maria com toda a confiança porque ela é Imaculada, sem mancha, sem pecado, sem impurezas. Nossa mãe celestial é pura, santa, sem pecado e nos ama com um amor puro, santo e divino.

Maria, mãe de Jesus para os católicos fiéis nasceu sem o pecado original, através desse dogma, a Igreja afirma que a Virgem Maria teve a concepção sem a mancha, que no latim fala-se “mácula” do pecado original, assim veio o título de Imaculada Conceição.

Maria foi concebida no seio de sua mãe, Santa Ana, sem o pecado original. Como disse o cardeal Suenens:

“A santidade do Filho é causa da santificação antecipada da Mãe, como o sol ilumina o céu antes de ele mesmo aparecer no horizonte”.

Está na Bíblia quando o Anjo Gabriel desceu dos céus para anunciar a Virgem Maria que ela seria a Mãe do Salvador. E o papa Pio IX proclamou Imaculada Conceição com base em Gênesis:

Eu Porei inimizade entre ti e a mulher, entre sua descendência e a dela, assim, segundo esta profecia, seria necessário uma mulher sem pecado, para dar à luz o Cristo, que reconciliaria o homem com Deus. (Gênises – 3,15)

Em 1854, o Papa Pio IX, com a Bula intitulada Deus Inefável (Ineffabilis Deus), definiu oficialmente o dogma da Santa e Imaculada Concepção de Maria:

Assim está escrito na bula (documento papal) intitulada Ineffabilis Deus que o Papa Pio X proclamou: Em honra da Trindade (…) declaramos a doutrina que afirma que a Virgem Maria, desde a sua concepção, pela graça de Deus todo poderoso, pelos merecimentos de Jesus Cristo, Salvador do homem, foi preservada imune da mancha do pecado original. Essa verdade foi-nos revelada por Deus e, portanto, deve ser solidamente crida pelos fiéis.

Um dos fatos que também confirmar o dogma da Virgem Santa foi o caso de Santa Bernadete Soubirous. Bernadete era uma jovem que presenciou a aparição de Nossa Senhora em Lourdes e contou que Nossa Senhora se auto definiu dizendo assim: Eu sou a Imaculada Conceição. Fato que ocorreu em 1858, apenas quatro anos após a definição do dogma.

Oração a Imaculada Conceição

Virgem Santíssima, que fostes concebida sem o pecado original e por isto merecestes o título 
de Nossa Senhora da Imaculada Conceição e por terdes evitado todos os outros pecados, o Anjo Gabriel vos saudou com as belas palavras: Ave Maria, cheia de graça; nós vos pedimos que nos alcanceis do vosso divino Filho o auxílio necessário para vencermos as tentações 
e evitarmos os pecados e, já que vós chamamos de Mãe, atendei-nos com carinho maternal 
e ajudai-nos a viver como dignos filhos vossos. Nossa Senhora da Imaculada Conceição, rogai por nós.