A Pastoral do Batismo ministra momentos de espiritualização sobre o Sacramento do Batismo à luz do anúncio da Boa Nova. O objetivo da Pastoral é conscientizar pais e padrinhos sobre o valor do batismo e demais sacramentos. Atualmente, o esforço pastoral segue no sentido de mostrar que o batismo seja, cada vez menos, um rito puramente tradicional e social, e cada vez mais uma entrada consciente do homem para o mundo de Cristo e seu Evangelho.

Ao desejar batizar uma criança, antes de tudo deve-se ter consciência de que a graça batismal é uma realidade rica que produz o nascimento para a Vida Nova, pelo qual o homem se torna filho adotivo do Pai, membro de Cristo, herdeiro do Reino de Deus e templo do Espírito Santo.

Preparação para o Batismo

A pastoral promove encontros de formação, com pais e padrinhos, visando à recepção do batismo. A participação é obrigatória para a realização do batizado.

O Encontro de Preparação considera a doutrina da Igreja, a vivência da fé cristã e a celebração do batismo. Seu objetivo é destacar sempre o sentido do Mistério Pascal em nossa vida e o compromisso que devemos ter como cristãos no mundo de hoje.

A Igreja orienta que as crianças filhas de pais cristãos sejam batizadas nas primeiras semanas de vida e, de preferência, na paróquia onde os pais têm residência. Se os pais quiserem que a criança seja batizada em outra paróquia devem procurar a Secretaria Paroquial e adquirir os documentos necessários para a transferência.

                                                

 

 

Dados Necessários para a recepção do Santo Batismo:

 

  O Curso do Batismo é obrigatório para os pais e os padrinhos

– Certidão  de Nascimento das Crianças (Batismo somente de crianças até 6 anos)

Comprovante de  residência dos pais da criança e endereço dos padrinhos num papel comum.

Os Padrinhos sendo solteiros devem ser católicos e batizados na Igreja Católica Apostólica Romana (trazer comprovante de batismo, assim como a xerox da Identidade)

Se os Padrinhos forem casados, ou se um dos padrinhos for casado, trazer a certidão de matrimônio no religioso;
Se  os padrinhos vivem juntos maritalmente ou são casados apenas no civil, estes não poderão ser padrinhos de batismo.

Os padrinhos devem ser maiores de 16 anos.

Os pais residindo fora de Rio das Ostras, devem trazer a transferência (ou autorização) e fazer a reunião na paróquia onde residem

Para fazer apenas o curso de batismo: Trazer a documentação e fazer a inscrição na secretaria
Atenção:  Não será permitindo fazer o curso se não tiver feito a inscrição na secretaria.

Obs:  1 – Só marcamos o batizado com toda a documentação em mãos e na data prevista

 2 – Os encontros de formação são realizados nos sábados, véspera do batizado, às 17h.

Coordenação: