A VOZ DO PADREFormação

É certo termos ambição?

Para início de nossa pequena conversa, precisamos conhecer a origem da palavra ambição, que deriva do latim “ambire”, que quer dizer “mover-se livremente”. Esse mover-se deve estar ligado a um alvo ou ponto a ser obtido. Por exemplo: alguém que deseja ser médico, professor, sacerdote, religioso, a salvação e etc, esse alguém terá que mover-se para atingir o alvo. Não se trata aqui de uma ambição no sentido de ambicionar o poder, o status e sim alcançar seu objetivo. Não é algo negativo e sim louvável!

O ambicionar no sentido negativo (de ambição desmedida) é algo lamentável e sabemos que muitas pessoas se deixam contaminar por esse caminho. Seja na sociedade ou na própria igreja. O Papa Francisco vem combatendo o que se chama de carreirismo ganancioso que tomou conta tanto do clero como do laicato.

A vida não pode estar sujeita a nenhum percurso ambicioso negativo. O ser humano tem que canalizar suas forças para ser um construtor de uma verdadeira ordem social, que reforcem os laços de uma convivência sadia e que todos se sintam responsáveis de construir o bem. É algo quase utópico ou fantasioso, mas que se faz necessário acreditar na mudança do homem!

É preciso relatar que alguns cristãos- tomados de uma falsa visão de santidade- rechaçam a ideia de ambição e condenam tal busca julgando um mal a ser evitado, tudo isso devido a uma “miopia farisaica” que os levam a viver uma mediocridade espiritual, não estando dispostos a dar voos mais altos, a uma verdadeira “metanoia” (mudança de mentalidade) como chamavam os gregos.

Sendo assim ambição de querer ser melhor, mais justo e coerente deve ser o imperativo daqueles que desejam ser pessoas melhores, destemidas e capazes de arriscar para fazer a vida ser algo mais corajoso e que nos leva a alcançarmos o ápice das nossas capacidades.

Concluo afirmando que a ambição, no sentido de querer, é fundamental!

Reflitamos!

Pe Marcelo Campos da Silva DIppolito
Pároco da Paróquia Nossa da Conceição de Rio das Ostras

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

💬 Como podemos te ajudar?